sábado, 26 de novembro de 2011

Desabafo #3

Tento fazer-me de forte mas há momentos em que necessito de deitar tudo cá para fora e, neste momento, este é o único sitio em que o posso fazer. Não tenho que justificar os meus sentimentos  e, aqui, ninguém os questiona.
A verdade é que o meu coração pertence a uma pessoa e essa pessoa não o quer. Essa pessoa e eu, mesmo depois de tantos anos, não conseguimos manter nada por muito tempo.
Chegou, agora, ao ponto de ruptura. Já foram ditas tantas coisas que não há memória que esqueça nem coração que não esteja magoado.
Tenho perfeita noção de que não sou perfeita e que também cometi os meus erros mas nunca quis que as coisas chegassem a este ponto.
Ele é a pessoa de quem mais gostei até hoje, ainda gosto, e a que sinto mais falta. A gargalhada dele fazia o meu dia.
Tento convencer-me que ele não me merece e que é bom este afastamento mas sei que é mentira. As saudades aumentam hora-a-hora e só eu sei a vontade que tenho de falar com ele. Não o vou fazer.
Até agora fui sempre eu que insisti para que fizéssemos as pazes mas prometi que não o ia voltar a fazer porque, afinal de contas, se estiver destinado acaba por acontecer.
Todos nós já sofremos por amor e todos nós já sofremos desilusões mas há quem saiba lidar melhor com isto do que outros. Não vou começar a dizer que é o fim da minha vida, apenas que é o fim de um capitulo muito importante.

10 comentários:

Turista disse...

Querida B., eu desejo-te muita força, na tua decisão.
Um abraço.

B. disse...

Querida Turista, obrigada! Outro para ti ♥

Cat disse...

É como dizes, uns são mais fortes que outros. Mas cada um, à sua maneira, é forte. E tu também o és.
Por muito que doa, por vezes temos de colocar forçosamente pontos finais e orgulho-me que o consigas. No meu caso, eu sou uma fraca por não o fazer. Ainda não me sinto preparada. Mas se tu sentes que não deves mais, força. O que é nosso, às nossas mãos vem ter.

Beijinho grande. E um abraço apertado.

João disse...

Um beijinho grande B

B. disse...

Voltei muitas vezes atrás na minha decisão mas há uns tempos atrás apercebi-me que esse sempre foi o meu erro. Voltar atrás nas minhas decisões.
Não és fraca Cat, apenas precisas de mais tempo. Quando chegar a altura certa também vais ser forte :)
Um beijinho muito grande!


João, outro para ti *

#Sí disse...

Há coisas que são muito mais difíceis do que aparentam, eu entendo-te.
E quando a cabeça diz uma coisa e o coração outra...é uma treta.
Muito força :)

B. disse...

Obrigada querida #Sí ♥ um beijo!

faa disse...

Não penses que é o fim de um capitulo, pensa sim que é o início de outro.

Por mais que custe, o que passou passou.

B. disse...

Exactamente faa, é mesmo o inicio de outro :)
Obrigada! Um beijinho *

faa disse...

De nada*